Programa Farmácia Popular ganha novas regras para evitar fraudes [Portal VozdoCLIENTE] "


Programa Farmácia Popular ganha novas regras para evitar fraudes



Desde sua criação, o programa já atendeu mais de 39 milhões de brasileiros


Fonte: Portal Brasil.
Receba notificações de novidades do site!





O Ministério da Saúde realizou uma força-tarefa com o objetivo de aperfeiçoar o programa Farmácia Popular, bem como evitar fraudes na venda de medicamentos.  

De acordo com dados do Departamento Nacional de Auditoria do SUS (Denasus), foram identificadas irregularidades recorrentes no que diz respeito a doenças de incidência raras em determinadas faixas etárias.

Das auditorias realizadas em 2016, cerca de 40% tiveram relação com o programa e em apenas uma farmácia não foram detectadas irregularidades. Os processos indicaram devolução de quase R$ 60 milhões aos cofres públicos devido a dispensações impróprias de medicamentos.

As restrições no sistema foram implantadas para maior controle dos medicamentos, levando em conta os parâmetros definidos pelos protocolos clínicos e diretrizes terapêuticas do Ministério da Saúde.

A partir de agora passam a valer os critérios de validação do status do CNPJ das farmácias credenciadas junto à base da Receita federal; validação das informações com base no cartão nacional de saúde e critérios de idade para venda de medicamentos por patologias, da seguinte forma: para dislipidemia (colesterol alto) - idade igual ou maior a 35 anos; osteoporose - igual ou maior a 40 anos; parkinson - igual ou maior a 50 anos; hipertensão - igual ou maior a 20 anos e contraceptivos - igual ou maior a 10 anos e menor que 60 anos.

Pacientes que estiverem fora da faixa etária estabelecida poderão requerer a inclusão do CPF, no sistema, pela ouvidoria geral do SUS, por meio do telefone 136, opção 8 ou pelo e-mail analise.fpopular@saude.gov.br.

“O Ministério da Saúde está buscando o aprimoramento do sistema a fim de garantir o tratamento necessário para os que precisam e evitar fraudes. Gerando, desta forma, economia que vai aumentar o acesso a novos tratamentos para a população”, explica Renato Alves Teixeira Lima diretor do Departamento de Assistência Farmacêutica e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde.

As mudanças não impactam na assistência a esses casos raros. Todos os pacientes que não se enquadram nessas faixas etárias de restrição poderão ter seus medicamentos e assistência médica adequada nas unidades do SUS.

Aqui tem farmácia popular

Desde sua criação, o programa já atendeu mais de 39 milhões de brasileiros, o equivalente a cerca de 20% da população do País. A iniciativa, criada pelo Ministério da Saúde para ampliar o acesso a medicamentos, já está presente em 80% dos municípios brasileiros, contando com 34.616 de farmácias conveniadas.

Ao todo, são disponibilizados 25 produtos, 14 deles gratuitamente, e o restante com descontos que chegam a 90%. O governo federal já investiu R$ 12,3 bilhões para ampliação do programa, bem como na oferta dos medicamentos.

Em média, por mês, a iniciativa beneficia 9,8 milhões de pessoas, principalmente aquelas com 60 anos ou mais, que representam cinco milhões do total. A maior parte dos pacientes atendidos (9 milhões) acessa medicamentos de forma gratuita e os mais dispensados são para tratamento de hipertensão, 7,2 milhões, e diabetes, 3 milhões. 

Para retirar os medicamentos, o cidadão deve apresentar o documento de identidade, CPF e receita médica dentro do prazo de validade, que em fevereiro deste ano foi ampliada para 180 dias. A prescrição médica pode ser emitida tanto por um profissional da rede pública quanto por médico que atende em hospitais ou clínicas privadas.



Veja a reportagem na fonte.

Contagem, 20/01/2017.  VozdoCLIENTE.

Compartilhe:       Enviar para o Google+
Envie para amigos/grupos:

Facebook






Visite nossa página no facebook e CURTA agora o Valvi.

 

Quer doar direto ao projeto?

Deposite em conta:
Associacao Solidaria Valor e Vida
CAIXA ECONOMICA FEDERAL,
Agencia: 2940
Operacao (poupanca): 013
Conta: 18996-9
ou o faça via PAGSEGURO:

 

Visitas:




Procure notícias:

Procure notícias:

Quaisquer das palavras
Contendo ambas palavras


Últimas notícias

Relatório aponta funcionamento normal da Polícia Militar no Rio. Portal Brasil.  +Mais...

MPF firma acordo com dez países para investigar Odebrecht. Portal EBC.  +Mais...

Justiça determina aos quatro grandes clubes do Rio jogos com uma só torcida. Portal EBC.  +Mais...

Carlos Velloso recusa convite para assumir Ministério da Justiça. Portal EBC.  +Mais...

Saque das contas do Fundo de Garantia vai alavancar crescimento. Portal Brasil.  +Mais...

Plantas da Caatinga são usadas no combate ao Aedes. Portal Brasil.  +Mais...

Parque Nacional do Iguaçu bateu recorde de visitantes em janeiro. Portal Brasil.  +Mais...

Operação Leviatã apura pagamento de propina nas obras da Usina de Belo Monte. Portal EBC.  +Mais...

Nascidos em março e abril recebem abono salarial. Portal Brasil.  +Mais...

Novo sistema de transporte do governo inicia fase de teste. Portal Brasil.  +Mais...

Lula reitera ao STF que impedir sua nomeação à Casa Civil foi ´erro histórico´. Portal EBC.  +Mais...


Gilmar Mendes diz que plenário do STF deve decidir sobre posse de Moreira Franco. Portal EBC.  +Mais...

Imagem não é tudo. Portal VozdoCLIENTE.  +Mais...

Conheça as mudanças que ocorrerão no ensino médio. Portal Brasil.  +Mais...

Construção demite mais de um milhão de trabalhadores desde 2014. Portal EBC.  +Mais...

Eclipse da Lua pode ser visto hoje em todo o Brasil. Portal EBC.  +Mais...

PCMG prende quadrilha que roubava residências na região norte de BH. Polícia Civil/MG.  +Mais...

Assinado contrato de R$ 369 mi para obras de dragagem do Porto de Santos. Portal Brasil.  +Mais...

Receita abre consulta a lote residual do IR na quarta-feira (8). Portal Brasil.  +Mais...

Câmara cria comissões para analisar reformas da Previdência e trabalhista. Portal Brasil.  +Mais...

Inflação pelo IPC-S cai de 0,69% para 0,68% na primeira semana de fevereiro. Portal Brasil.  +Mais...

Compromisso é mais que dobrar a oferta de educação em tempo integral, afirma ministro. Portal Brasil.  +Mais...

Veja mais no noticiário....